Opinión

Españolito que al mundo vienes, te guarde Dios...

[Nemésio Barxa]

As Direitas fustigam constantemente ao governo do Estado (esse que eles chamam social-comunista) com os escassos êxitos em matéria económica, uma Direita que nos oferece como salvadora a gestão futura de Nuñez Feijoo à frente do executivo. Não entendemos a imagem de bom gestor que se quere dar de Feijoo que nos seus 14 anos de mandato na Galiza deixou um pais empobrecido, sem entidades de crédito próprias e com toda a indústria esfarelada e tributando em Madrid, fronte a uma recuperação evidente do Norte de Portugal. Expectante aguardava o Debate sobre o Estado da Nação para ver quais seriam as medidas propostas por essa Direita para remediar a perda económica; e a surpresa foi que o discurso de PP e VOX abandonou por completo qualquer referência concreta económica para centrar-se nos impropérios contra uma ETA desparecida há mais de dez anos. Nenhuma proposta em política económica e segue negando direitos sociais ou liberdades cidadãs (recursos contra as leis de aborto e eutanásia, teima contra o LGTBI e violência machista, etc.); certamente se identifica com o final do verso de Antonio Machado "una de las dos Españas ha de helarte el corazón", e já sabemos qual.

A INFORMACIÓN GALEGA ESTÁ NA TÚA MAN!

Subscríbete ao noso boletín de novas.

Date de alta de balde e recibirás unha selección dos nosos artigos para saberes o que acontece.

comentarios