venres 18/06/21

Saara livre

Hoje decorrerám às 19.30h concentraçons nas sete cidades galegas em solidariedade com o povo saaraui e o seu legítimo representante, a Frente Popular de Libertaçom de Sagua el Hanra i Río de Oro. Mais umha vez, o internacionalismo galego estará na rua apoiando umha causa que também é nossa.

Semelha que após 45 anos de conflito e ocupaçom a Frente Polisário nom está disposta a que a situaçom se alargue sine die enquanto o reino feudal de Marrocos salta umha e outra vez o direito internacional que abriga a defesa do direito de autodeterminaçom do povo saaraui.

A irrupçom no passado dia 13 de novembro em Guerguerat por parte do exército de Marrocos, atacando a civís, foi umha declaraçom de guerra, deixando apenas a resposta militar como única alternativa por parte da Polisário. A atitude desesperada marroquina pom fim, ao menos de maneira temporária, às vias de procurar umha soluçom pacífica do conflito.

Enquanto milhares de colonos marroquinos ocupam as cidades de Smara, Aaiún e Dajla, o povo saaraui malvive nos acampamentos de refugiadas e no exílio. A guerra era inevitável, perante a passividade da comunidade internacional, com destaque do Regime Bourbónico, principal responsável pola situaçom.

Quem achava que quase meio século de ocupaçom podiam dar cabo das ansias do povo saaraui de ser livre enganárom-se. Hoje umha nova geraçom está decidida a pegar em armas e continuar a escrever a história de resistência deste povo norte-africano. Umha história que também é a nossa.

comentarios